O perigo de sempre

A capa da última edição da revista inglesa NewStatesman alerta para uma das grandes mudanças ao mundo de hoje: a volta do fascismo.

O mais perigoso, segundo a publicação, em textos assinados por especialistas como o historiador Ian Kershaw, autor da melhor biografia de Hitler, é que hoje o fascismo se apresenta de formas diferentes. Dissimulado, cheio de preconceitos e xenofobia, avançando e se aproveitando da ingenuidade de muitos.

Nenhum país está livre. É bom ficar alerta aos sinais.

 

Anúncios

Sobre mariomarcos

Jornalista, natural de criciúma, fã incondicional de filmes, bons livros e esportes
Esse post foi publicado em imprensa e marcado , , , . Guardar link permanente.

18 respostas para O perigo de sempre

  1. INTERminavel COLORADO disse:

    O Quarto Reich em andamento…

  2. Fifaldino disse:

    É inacreditável a desfaçatez que vemos espalhada pelo mundo (e infelizmente pelo Brasil também).

  3. INTERminavel COLORADO disse:

    Vem aí o Bolsoreich!

  4. RODOLFO DOMINGOS LOSS disse:

    Será que a volta do chamado “facismo” no mundo NÃO SERIA EM RAZÃO DA FALHA DA CHAMADA SOCIAL DEMOCRACIA, onde quem mais esta sacrificado seria a classe média,
    O “pobre” o estado o ampara mal ou bem (necessita estudo mais aprofundado) o “rico” bom o rico sem comentário.

    • Fifaldino disse:

      Pode até explicar, mas justificar NUNCA.

    • Marcão disse:

      Depende do que tu considera “social democracia”. Muitos países onde ela vigora estão muito bem, dentro das possibilidades de um período de crise global (crise que, aliás, atinge países com governos de todos os matizes políticos).

      • Miguel disse:

        Marcão, se está dando certo e enquanto estiver dando certo é neoliberalismo, capitalismo ou capitalismo neoliberal.
        Se está dando errado ou quando começar dar errado é socialismo.

      • Rubens disse:

        Os países sob a social-democracia primeiro enriqueceram com o livre mercado e depois começaram a adotar políticas distributivistas. Mas a conta está chegando, e forte.

      • Fifaldino disse:

        Rá!!!! Como se nunca tivéssemos tido contas chegando. Ehehe….

        Só pra lembrar…. DURANTE o tão “amado” regime militar tínhamos a constante “tutela madrasta” do FMI. E imediatamente após o mesmo regime, tivemos que cortar SEIS zeros de nossa moeda. Alguém aqui tem saudade disso??

      • Maurício disse:

        Bah, é ANTIGO esse papinho de ‘uma hora a conta vem’ hein?
        Ouço isso desde que… deixamos de receber o boleto mensal do FMI!

      • Marcão disse:

        Ah, sim! O livre mercado, aquele lindo… Kkkkkkkkkkkkk!

      • Miguel disse:

        Pois, falando em um dia a conta chega. Os primeiros 10 anos sob os militares foram de um baita crescimento. Ao custo de uma baita dívida externa. Dívida essa que nos levou à recessão, por consequência o desemprego, arrocho salarial, inflação de mais de mais de 140% anual num primeiro momento, ainda sob o regime militar, depois mais de 1000% com Sarney, Collor, atrelamento ao FMI do qual nos livramos com Lula.
        Ah, e os honestíssimos militares tinham um ministro da justiça, Ibrahim Abiackel, que enquanto descansava carregava pedras…preciosas. A esquerda era combatida sob acusação de corruptos, guerrilheiros, ladrões.
        Já a corrupção da direita era combatida com o silêncio, a mordaça, a censura, ou seja, existia mas ai de quem se atrevesse a divulgar.

      • Rubens disse:

        A esquerda teve oportunidade de se redimir, mas somente confirmou todas as críticas a ela dirigidas. Realmente nunca passou de uma estrutura dominada por corruptos, guerrilheiros e ladrões, que além de saquearem o estado destruíram a economia, tragédia que levará vários anos para ser superada.

      • Fifaldino disse:

        Notem que os adoradores de coturnos são confrontados com dados e fatos…. Mas respondem genericamente. Argumento zero. Tsc!!

      • INTERminavel COLORADO disse:

        Sempre o mesmo discurso de que a esquerda saqueou, sucateou e destruiu a economia, o país, sem falar na institucionalização da corrupção. Eis o discurso dos adores de milicos, da direita fascista, da direita coxinha fã de Miami, Torre Eiffel, Globo e Skol. A culpa de tudo o que é ruim e o que acontecerá com nosso país nos próximos 100 anos será computada na conta da esquerda. Ah, VTNC, antes que eu me esqueça!

      • Rubens disse:

        Pode ter certeza que continuaremos colocando na conta da esquerda o que for de sua responsabilidade, pelo simples fato de ser a verdade cristalina. Chega de experimentações alopradas. O Brasil precisa tomar definitivamente o rumo do desenvolvimento.

  5. “Ao adormecer os operários com ilusões parlamentares que paralisam a sua vontade de luta, cria as condições favoráveis para a vitória do fascismo. A política de aliança com a burguesia deve ser paga pela classe operária com anos de sofrimentos e sacrifícios, quando não com dezenas de anos de terror fascista.” (Leon Trotsky, sobre as consequências da política de conciliação dos reformistas)

  6. Rubens disse:

    Hoje em dia qualquer um que se contraponha ao projeto de poder da esquerda é tachado de fascista. Banalizaram tanto o termo que perdeu o antigo impacto.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s