Como é?

Talisca, do Besiktas, e William José, aquele mesmo que passou pelo Grêmio e hoje está no Real Sociedad, estão entre os convocados da Seleção para os amistosos de março.

Luan, melhor jogador da Libertadores e uma das grandes revelações do futebol brasileiro, está fora.

Desta vez, o sempre elogiado Tite tropeçou feio.

Anúncios

Sobre mariomarcos

Jornalista, natural de criciúma, fã incondicional de filmes, bons livros e esportes
Esse post foi publicado em Seleção Brasileira e marcado , , , . Guardar link permanente.

24 respostas para Como é?

  1. Maurício disse:

    Tá fora porque é amarelão.

    • Amarelão? Eu vi na final da Liberta, no jogo de Guayaquil e na Recopa em Buenos Aires.
      Ou nas Olimpíadas, quando foi o jogador mais importante, que mudou o jeito do time jogar.
      Ou ainda nos jogos fora da semi e da final da Copa do Brasil 2016, quando calou o Mineirão.
      E nem vou lembrar dos grenais, pq o adversário está fraco, muito fraco.
      Negar o bom futebol do craque da Libertadores só se explica por dois motivos: fanatismo ou nenhum conhecimento de futebol!

      • Maurício disse:

        Ora, é óbvio que já decidiu jogos, é o mínimo que se exigiria de alguém com o cartaz dele. Não há dúvida que joga muita bola, assim como não há dúvida que desaparece em jogos importantes. Negar isso é que parece fanatismo.
        Basta um pouco de discernimento pra comparar, por exemplo, com o Geromel, esse sim um craque completo, joga SEMPRE em alto nível.
        Mas certamente é mais fácil vir com esse papinho furado de ‘conhecimento de futebol’ do que fazer uma crítica imparcial.

      • Miguel disse:

        “Não há dúvida que joga muita bola, assim como não há dúvida que desaparece em jogos importantes.”
        Com certeza Maurício o jogo contra Cruzeiro (quem é o Cruzeiro??!!) no Mineirão pela CB era um joguinho sem importância. Sem importância, também, o Barcelona em Guayaquil era um joguinho numa semifinal de um torneio amistoso, um tal de Libertadores Cup e a final contra um tal de Lanús pelo mesmo torneiozinho sem valor onde ele fez um golzinho de chiripa.
        E na seleção, também, ele foi destaque porque era um torneio que o Brasil nunca deu importância, tanto é que nunca havia ganho. Tivesse Neymar e Gabriel Jesus ele nem teria jogado.
        Já contra o Real ele teve toda liberdade, imagina, só dois ou três perebas a marca-lo enquanto CR7 quando fez aquele golaço de falta já tinha botado duas bolas na trave, deixado Benzema e outros na cara do gol.
        Jogadorzinho assim não merece chance na seleção. Neymar, na final do mundial contra o Barcelona, fez jus à fama e acabou com o Barcelona.
        Tayson, Renato Augusto, Taliska, Firmino…, são jogadores que sempre jogam bem e são decisivos.

      • Maurício disse:

        Mas Miguel de delz, isso não é uma REGRA, e é exatamente o problema dele: ninguém sabe quando vai protagonizar e quando vai sumir. Bicho, vocês tão mordidos sugerindo que tô inventando isso. Não acompanham cronistas, reportagens, opiniões? Têm andado em coma?!?

      • Miguel disse:

        Maurício, uma coisa é o começo de carreira onde, realmente, ele sumia em jogos decisivos, outra totalmente diferente são os últimos dois anos onde, ao contrário, ele tem crescido em jogos decisivos (citei alguns acima), a exceção foi a final contra o Real, oque não é motivo para exclui-lo da seleção. Pra você ter ideia do respeito dispendido a ele, mesmo o Real sendo uma seleção mundial sempre tinha dois a marca-lo, e marcação dura diga-se de passagem. Estás dando um peso maior ao começo da carreira ao momento atual. Citei vários jogos (não todos) decisivos onde ele foi decisivo e tu te agarras em um jogo onde ele não foi. Eu já vi Messi e CR7 serem anulados, aliás, Cristiano Reinaldo jogou oquê na mesma final do mundial. Achou aquele gol cagado que foi pela estrela que ele tem, não pelo que apresentou no jogo.
        E, olha só, acabei de assistir o reprise do bem amigos de segunda feira e TODOS estranharam a não convocação de Luan, concordaram com a convocação de Geromel e disseram que no lugar do goleiro convocado poderia ser Grohe e, entenderam a não convocação de Arthur, por estar sem atuar devido à lesão. Milton Neves, Neto, todos querem Luan na seleção. É, amigo, parece que quem anda em coma e não tem acompanhado reportagens e comentários da imprensa esportiva não sou eu.

      • Miguel disse:

        Faltou “?” Na frase “aliás, Cristiano Reinaldo jogou oquê na mesma final do mundial?”

      • Maurício disse:

        Se não entendeu até agora, é porque não quer.
        Inteligência suficiente tu tens. Desisto!

    • Hugo disse:

      chamar de amarelão é crítica imparcial. Decidir final da liberta não é jogo importante! Cite sábio maurício nos últimos confrontos grandes qual o Luan se omitiu?

    • Vi dois jogadores amarelarem hoje: Fred e Taison, pelo Shakhtar, contra a Roma.
      Não jogaram nada, NADA!
      E estão convocados…

    • Maurício disse:

      Se fosse uma opinião exclusivamente minha, a troco de quê haveria esse batalhão de advogados aqui tentando me desmentir?

      • Miguel disse:

        Se você estivesse com razão a troco de que eu estaria aqui discordando de você?
        E mais, não estou falando por falar, estou te dando fatos que contrariam tua tese.

      • Maurício disse:

        Não, tás escolhendo um exemplo aqui, outro lá, típico de quem não quer entender. E eu tenho de me esforçar pra te convencer? Tá bom, espera só um pouco aí…

      • Miguel disse:

        Já você percebeu que tenho razão, só não queres dar o braço a torcer.

      • Maurício disse:

        Me pareceu o contrário.

  2. Rafael disse:

    Luan tem que provar competitividade frente a adversários europeus.

    • Fred disse:

      Há melhor oportunidade para isso do que um mundial?

      • Rafael disse:

        O problema é que, na busca da vaga para a Copa do Mundo, ele compete com brasileiros que já provaram competência no enfrentamento com europeus. Seu comportamento no jogo com o Real Madrid deixou várias dúvidas quanto à sua capacidade de suportar a pressão. Tite até pode convocá-lo, mas se trata de decisão de alto risco.

      • Miguel disse:

        Não creio que um jogo seja suficiente para descartar um jogador. Um jogo em que tinha sempre dois em cima dele quando a bola chegava.
        Alguém lembra da atuação de Neymar na final do mundial Barcelona x Santos?

  3. alessandro machado disse:

    nem é bom comentar sobre essa $eleção, mas não vejo grande problema, afinal, ele quer é testar outros jogadores, o Luan ele já deve acompanhar bastante

  4. Miguel disse:

    De Mauro Cézar, do ESPN, no Twitter
    Nos seus últimos 47 jogos por Brasileiro, Libertadores e Copa do Brasil, Luan criou 89 chances de gol e marcou 16 vezes pelo Grêmio, inclusive em partidas decisivas, do certame internacional. E fez 37 desarmes certos!
    Mas não cabe no grupo de 20 e tantos de Tite.
    Inexplicável!

    • Rafael disse:

      São números modestos, senão vejamos: apenas 0,34 gol por jogo e apenas 0,78 desarme por jogo. O único número razoável é de 1,89 chance de gol por jogo, que mesmo assim não leva em conta a qualidade da chance de gol.
      São números de bom jogador, mas não de craque. Essa estatística fala mais contra do que a favor de sua convocação.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s