Um gramado inteiro de joelhos

“Cada passada de joelho era um obstáculo que quebrava atrás. Eu me senti forte e confiante para seguir. Nos reunimos após o jogo, agradeci a todos eles pela força que me deram durante esse período. Não é fácil estar ali, ter a expectativa e não poder ajudá-los. Na maca, me senti inválido, envergonhado. Tenho que agradecer a esses profissionais que se doam ao máximo para nos colocar à disposição. Por mais que você seja um atleta renomado, você não quer estar na maca… Era um edema ósseo, a gente fazia exames e não mostrava fratura, nem nada. Era uma pequena fissura do osso. É pior, porque tem que esperar o osso se regenerar. Não existe tratamento específico, cirurgia. Eu voltei a treinar, essa dor me incomodava e não sumia. A gente ia para a fisioterapia de manhã, de tarde,  fazia à anoite em casa. Essa contusão foi complicada.”

(Alemão, lateral do Inter, que surpreendeu as 20 mil pessoas que estavam no Beira-Rio ao atravessar o gramado de joelhos, tão logo o jogo contra o Figueirense chegou ao fim, no sábado, em entrevista no fim da partida. Era um agradecimento comovido do jogador por voltar ao futebol depois de um longo afastamento para curar um edema ósseo. Foi um momento emocionante, que fez o público ficar mais tempo nas arquibancadas)

Anúncios

Sobre mariomarcos

Jornalista, natural de criciúma, fã incondicional de filmes, bons livros e esportes
Esse post foi publicado em Inter e marcado , , , . Guardar link permanente.

13 respostas para Um gramado inteiro de joelhos

  1. Guasca disse:

    Putz, e tem um comentarista e blogueiro que escreveu: Alemão exagerou

  2. INTERminavel COLORADO disse:

    Confesso que fiquei comovido…

  3. Maurício disse:

    O [sobrinho não sei mas o tio] Winck caiu.

  4. 66 disse:

    Valorizei também a solidariedade dos jogadores que permaneceram todos em campo, embaixo daquela chuva incessante, até que o Alemão concluísse a sua missão.
    Aliás, o grupo do Inter tem demonstrado muita união em campo.
    * Por acaso acabou sábado aquele prazo dado ao Winck para renovar ou receber um aumento, caso jogasse 10 partidas como titular??
    Acho que sábado foi a décima partida e o garoto já não voltou para o segundo tempo.

  5. 66 disse:

    Falando em gramado, MM…o gramado do Beira-Rio é um tapete mesmo.
    Aliás, tudo no Beira-Rio é lindo.O estádio, o gramado e aquele entorno tá uma maravilha. Como é bom poder chegar e sair tranquilamente, com um parque arborizado ao lado e um Shopping a 10 minutos de caminhada. Sem contar as inúmeras linhas de ônibus que servem ao torcedor.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s