A nova fase de Winck na lateral do Inter

Ao dar uma nova chance a Cláudio Winck, um jogador que nunca conseguia confirmar as expectativas da torcida e do clube, o técnico Guto Ferreira parece ter resolvido as dificuldades da lateral-direita do Inter, uma posição carente desde a saída de William para o futebol alemão.

Depois de passar quase um ano no time de transição, disputando a terceirona do futebol gaúcho na atual temporada, Winck foi chamado a treinar com o grupo principal e soube aproveitar bem o espaço aberto com a falta de opções confiáveis. Dedicou-se aos treinos e, quando foi escalado, confirmou pouco a pouco que é a melhor alternativa para a lateral.

No último sábado, foi dele o gol, depois de iniciar a jogada e aproveitar o bom passe de Nico López. Livre das lesões sucessivas, que o atormentaram nos primeiros tempos de clube, Cláudio Winck virou titular – e ganhou elogios especiais de Guto.

– A qualidade é indiscutível – disse o técnico na entrevista, ainda em Campinas. – Tem força, tem qualidade. Nos dois últimos jogos, marcou com qualidade fantástica. Está acreditando nele. Eu fico contente. Volto a falar, quando começa a ter muito alarde, é situação que tem que se controlar. Pelo seu amadurecimento, vai ter cabeça para segurar para saber ouvir os elogios sem perder o foco.

Anúncios

Sobre mariomarcos

Jornalista, natural de criciúma, fã incondicional de filmes, bons livros e esportes
Esse post foi publicado em Inter, Série B e marcado , , , . Guardar link permanente.

12 respostas para A nova fase de Winck na lateral do Inter

  1. analista disse:

    Muuiiiiiiiiito a provar ainda. Mas é melhor do que os outros disponíveis no elenco.

  2. Maurício disse:

    O que me parece mais relevante é estar completando um ano sem lesão.

  3. INTERminável COLORADO disse:

    Acho que está jogando muito bem. Alguém sente saudades de WILLIAN (que não era lá essas coisas)? Só larga o osso se sofrer uma lesão (xô, satanás!)…

  4. FELIPE disse:

    Ainda tenho muitas desconfianças com o Wink. Apesar do gol, não acho que tenha jogado tão bem assim. Falhou duas vezes na marcação, em uma delas quase saiu o gol de empate do Guarani, após uma cobrança de lateral na área.
    Mas concordo que é a melhor opção disponível no elenco e o treinador faz o certo em dar-lhe confiança.

    • INTERminável COLORADO disse:

      Todos falham. VICTOR CUESTA falhou em um lance ao final da partida, juntamente com DF, embora tenha feito a sua melhor partida desde que chegou, que quase resultou no gol do Bugre. Quem estava lá para salvar? WINCK! TODOS falham, pois é da natureza humana. Alguns menos, outros mais. Será que ele “falhou” ou lhe faltou cobertura de zagueiro e/ou volante, ou até mesmo do atacante que joga pelo seu lado? Isso acontecia e muito com WILLIAN (quantos gols às suas costas, seja em triangulações ou cruzamentos para a área?). Acontece com os melhores laterais do planeta. Acho que WINCK reúne muito mais qualidades do que defeitos, tais como: muito boa técnica, cabeceio, bom passe, velocidade, chute a gol (WILLIAN não sabia chutar a gol), visão de jogo, chegada pelo meio (mais do que pela linha de fundo, que era o melhor de WILLIAN). Seu maior “defeito”? Lesionar-se com frequência, o que parece já ter superado (novamente, batemos na madeira por 10 vezes)…Por isso tudo, não tenho a menor saudade de WILLIAN…Que WINCK tenha longa vida na lateral direita colorada, desde que continue crescendo.

  5. andreas boos disse:

    O winck acho que acho a fase da carreira que ele deve agarrar com unhas e dentes. Nao deixar nada estragar (empresarios e vislumbre). Espero que não suba a sua cabeca o momento e ele haja com convicção que é o clube que projeta ele, nesse momento, e não o contrário.

    Me preocupa a noticia que o inter ta procurando um LD que seja mais experiente. Me arrepia vir outro “a la” ceará… que não acrescenta nada ao grupo e so fica machucado. Tomara que não.

    • Maurício disse:

      Pois é, já li também que um eventual acerto do Ernando com o Coritiba poderia trazer pro BR um lateral deles de apenas 18 anos. Será que o Junio treina tão mal assim?

  6. 66 disse:

    O Claudio Widro sabe jogar bola e tem personalidade. Não tem medo de arriscar. Em apenas 3 jogos já fez mais gol que o William.
    O problema dele sempre foram as lesões em sequência. Notório chinelinho.
    Se conseguir jogar normalmente sem se lesionar, já deu mostras que pode ser titular.
    Claro que o ideal é que saiba marcar e apoiar, mas se souber fazer pelo menos uma delas bem feita, já tá bom. E apoiar é o forte dele. Que façam a cobertura quando ele subir. é pra isso que tem volantes no time.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s