Antes do jogo pela liderança, Grêmio encara o Coritiba

No fim do grande jogo contra o Cruzeiro, o técnico Renato negou a intenção de escalar um time reserva para o confronto com o Coritiba, na noite desta quinta-feira, na Arena, mas deixou uma espécie de margem de manobra. Garantiu que todos os titulares em condições seriam escalados.

Mas quem estará em condições, na avaliação de Renato e de sua comissão técnica, depois da sequência de jogos das últimas semanas?

Este é um segredo bem guardado pelo técnico, que só será esclarecido pouco antes do início da partida.

Dois deles já estão fora.

Ramiro vai cumprir suspensão automática, depois de receber o terceiro cartão amarelo em Belo Horizonte, e o zagueiro Kannemann, uma das afirmações do time, fez ressonância magnética na quarta-feira e ficará algum tempo afastado para curar a lombalgia que o fez pedir substituição diante do Cruzeiro.

Os outros dependem de avaliação do técnico.

Uma das novidades pode ser o atacante Lucas Barrios, já recuperado. Ele faz parte da lista de concentrados. Miller Bolaños (foto) está fora inclusive do jogo contra o Corinthians. Ele sente a musculatura e nem concentrou.

O Grêmio chega ao jogo desta quinta em segundo lugar na tabela, com 19 pontos ganhos, a um do líder Corinthians. Logo atrás, com 15, está o Coritiba, que faz uma campanha surpreendente no Brasileirão.

O jogo começa às 21h.

A PROPÓSITO

A torcida fica de olho no jogo contra o Coritiba, que pode até valer a liderança, mas o interesse maior é mesmo pelo confronto do próximo domingo, contra o Corinthians.

Até o início da tarde de quarta-feira, a Arena tinha vendido 21,8 mil ingressos. Pelas projeções dos organizadores, uma carga assim, tão antecipada, permite esperar um público de 48 mil torcedores no domingo.

 

 

Anúncios

Sobre mariomarcos

Jornalista, natural de criciúma, fã incondicional de filmes, bons livros e esportes
Esse post foi publicado em Brasileirão, Grêmio e marcado , , , . Guardar link permanente.

Uma resposta para Antes do jogo pela liderança, Grêmio encara o Coritiba

  1. Gaudêncio disse:

    Não vejo o Thyere como o companheiro ideal para o Geromel – na medida em que é um jogador mais leve, técnico.
    Lembro, desde os tempos de Telê, que a harmonia de uma zaga se dá com um jogador técnico e outro de imposição. Mas jamais pensaria em Bresan, que é uma praga – mas sim em Bruno Caio, mas daí depende de sua condição técnica, tendo em vista que estava sem jogar.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s