Da série ‘Perguntar não ofende’

Qual Grêmio você prefere? Aquele no formato habitual, sem um atacante fixo, com Miller Bolaños e Luan se movimentando pelo campo todo, e que atuou durante quase 80 minutos da partida contra o Veranópolis, ou o que passou a ter Lucas Barrios, autor de um dos gols da vitória, nos últimos 15 minutos do confronto de domingo?

Anúncios

Sobre mariomarcos

Jornalista, natural de criciúma, fã incondicional de filmes, bons livros e esportes
Esse post foi publicado em Grêmio e marcado , , , . Guardar link permanente.

10 respostas para Da série ‘Perguntar não ofende’

  1. Maurício disse:

    O Kleber Radiador agora tá tentando penhora na única grande fonte de renda do tricolor.
    E pensar que pouco jogou [e nada conquistou] por aqui… Sacanagem!
    Odone ETERNO.

  2. Kiko Marques disse:

    Tem de tentar entrosar o Barrios. Para jogar com o falso nove precisaríamos de meias goleadores e só temos o Muller. Pedro Rocha e Luan são perdedores de gols. Barrios tem uma chance e gol. Vem por cento de aproveitamento.

    • Diego disse:

      Concordo, o ideal é entrosar o Barrios no esquema mais movediço. Até porque o Barrios não é o típico atacante fixo, tem habilidade e velocidade. Pedro Rocha precisa urgente treinar finalizações.

  3. Kikomarques disse:

    “Cem por cento de aproveitamento”.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s