O empate, segundo Renato

Bem que Renato alertou na conversa aos jogadores: diante dos desfalques e dos ajustes do time, o que importava era vencer. Mesmo por 1 a 0, como se encaminhava a partida na Arena, até o momento em que o time foi surpreendido por um contra-ataque rápido e competente do São José.

– O problema hoje principalmente foi o número de jogadores no departamento médico – lamentou Renato no fim. – Quem não tem cão, caça com gato. Sofremos para fazer um gol. O São José estava bastante fechado. Estávamos com o Miler bastante cansado, com cãibra. Não adianta colocar mais atacantes, porque eu nem tinha. Tinha só o Ty e o Lincoln. Mas nós tínhamos o resultado. Não adianta arrumar desculpas. O que não pode é tomar o gol da maneira que tomamos. Falei para eles que 1 a 0 era goleada. Temos 60%, 70% do time no departamento médico. Fizemos o gol, mas cometemos erros. Nós tivemos uma sequência de erros no gol do adversário. Isso é conversa para ter com o grupo. Vou conversar com eles e mostrar onde erramos. Não adianta falar de A, B ou C. É conversar com o grupo. Temos que assumir responsabilidade, porque o empate dentro de casa não foi bom.

Anúncios

Sobre mariomarcos

Jornalista, natural de criciúma, fã incondicional de filmes, bons livros e esportes
Esse post foi publicado em Grêmio e marcado , , , . Guardar link permanente.

7 respostas para O empate, segundo Renato

  1. Kiko Marques disse:

    Como diria o Tite :”fala muito”. Eu tenho um problema com o renato. Não acho que ele seja um bom técnico, acho que ainda é imaturo. Diz que vai tratar o assunto internamente, mas já falou que teve muitos erros. Em fim… Mas um quarto lugar em 2010, o vice em 2013:(brasileirão) e título dá copa do Brasil 2016 vão me fazendo aceita-lo. Mas… Ainda não é um treinador confiável. Mas em fim. Não há opção melhor mesmo.

  2. Guasca disse:

    O Empate, segundo Renato
    -O empate é o nosso maior rival Rio Grande do Sul. Temos que ultrapassá-lo para voltarmos a ser a segunda força no estado.

  3. Miguel disse:

    Tá fraco o futebol gaúcho. Na copa do Brasil não sobrou um. Aí o Grêmio empata, em casa, com um gol irregular, com o São José que foi eliminado em casa na CB.

  4. alessandro machado disse:

    hahahahhaha pijamistas gazelinos empataram em casa com o zequinha..
    e ainda querem tocar flauta..
    não ganham nem no aterro de lixo hospitalar da vila areia

  5. Ricardo - DF disse:

    O brabo é que esse time tem a cara do Renato. 1×0 no zequinha é goleada… De onde ele tirou isso? Geromel, Kannemann, Maicon, Bolaños, com jogadores desse nível tem que se retrancar contra o zequinha depois de 1×0? O meio do Grêmio tava uma passarela, os jogadores do zequinha recebiam livres a bola. Marcam errado, não sabem o que fazer com a bola, tá com cara de time do Renato mesmo. Rachão e motivação. Quando a motivação não funciona mais, não há rachão que conserte.
    “Prioridade é o gauchão”… imagine se não fosse.

  6. Ricardo - DF disse:

    Algum ilustre torcedor tricolor aqui do blog assiste os treinos do Grêmio ? Queria saber o que o Renato está treinando. 3o no gauchito, e ainda sonha alguma coisa com a Liber. Se continuar nesse ritmo, não passa nem da fase de grupos… Vai estudar na Europa, Renato, talvez aprenda alguma coisa além da malandragem.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s