D’Alessandro alerta: é preciso acabar com a instabilidade

Ricardo Duarte/Divulgação InterAo deixar o campo, o experiente D’Alessandro, autor dos passes para os dois gols da vitória sobre o Princesa, pela Copa do Brasil, identificou aquele que parece ser o maior problema do Inter na temporada – a instabilidade emocional e técnica.

– Está difícil entrar ligado 100% – lamentou, ao lembrar de todas as dificuldades mostradas pela equipe, especialmente no primeiro tempo. – Passamos algum apuro, que não podemos passar, mas ganhamos.

Para ele, o mais importante agora é buscar uma sequência de vitórias.

– Ganhamos hoje, não podemos tropeçar no domingo – alertou, ao lembrar do jogo contra o Passo Fundo pelo Gauchão.

– Estamos treinando, tentamos melhorar o entrosamento. Chegaram jogadores há três dias e já estão aí jogando. O treinador está experimentando novas táticas. É a terceira que a gente usa, mas o principal é chegar bem no Brasileiro.

O Inter voltou de Cascavel à noite, em avião fretado, e começa agora a se preparar para tentar sua primeira vitória no Gauchão, na quarta rodada. É bem provável que Antônio Carlos mantenha Brenner no time, em mais uma tentativa de dar maior poderia ofensivo. Valdívia também deve seguir titular.

Falta definir também o esquema preferido. Até agora, o técnico testou três estratégias, mas ainda não se definiu pela melhor.

– O esquema só ficará definido quando todo o grupo estiver completo – explicou Antônio Carlos. – Todo mundo sabe que estamos acertando os nomes em meio à competição, depois de uma pré-temporada curta.

Reforços, Zago talvez receba nos próximos dias: Marcelo Cirino está bem encaminhado e Pottker, da Ponte Preta, deve acertar também.

 

Anúncios

Sobre mariomarcos

Jornalista, natural de criciúma, fã incondicional de filmes, bons livros e esportes
Esse post foi publicado em Inter e marcado , , , . Guardar link permanente.

15 respostas para D’Alessandro alerta: é preciso acabar com a instabilidade

  1. analista disse:

    Bem…, por mais que ainda faltem reforços (e como falta!), creio que está na hora de definir os zagueiros. Está na hora de definir a situação do William, que é titular fácil. Está na hora de resolver a configuração do meio de campo (improvisar laterais e atacantes não dá mais) e oS atacantes (um só é piada de mau gosto que vem já do ano passado). O Seijas não presta? O Brenner apresenta resultados melhores do que os outros mas não presta? O tal de Néris não jogou ainda porque não presta? Defina-se, Sr. Zago, porque daqui a pouco vão chegar a conclusão de que quem de fato não presta…

    • INTERminável COLORADO disse:

      Não sei se WILLIAN é titular fácil. ALEMÃO, pelo que jogou ontem, principalmente no segundo tempo, não jogou menos do que WILLIAN vinha jogando…

  2. Fifaldino disse:

    A primeira coisa a ser feita é SUMIR com Paulão e Ernando e DOURADO. Não passam segurança alguma. O resto se ajeita depois…

  3. analista disse:

    Paulão é o melhor do zagueiro do Inter, gostemos ou não. Dourado…, bom aí discordo totalmente! No meu modo de ver é um bom jogador. Já o Charles ainda precisa mostrar que não é mero vassalo ou um duquezinho qualquer… mas príncipe… e por aí vai…

  4. Felipe disse:

    O Inter só fala em contratar atacantes e zagueiros, mas, na minha opinião, a principal carência do grupo é um jogador que faça a terceira função do meio, que ajude o D’ale na armação, mas tenha força para marcar…tipo um Tinga nos bons tempos, ou o Fred, que agora está na Ucrânia.

  5. Maurício disse:

    No comecinho do jogo o Paulão já ‘lançava’ como nos velhos tempos.
    O que teria havido com o Eduardo?

  6. Maurício disse:

    Colorado despistou com o Cirino e fechou com o Potker. Gostei. Com Nico, Carlos e Brenner, as opções ofensivas ficam bem mais variadas. Aliás, não entendi o rigor absurdo das cobranças ao Carlos, que desembarcou anteontem no Beira-Rio.

    Infelizmente seguimos carentes de meias armadores.

    • INTERminável COLORADO disse:

      CIRINO também vem…

      Mas o que está por vir é melhor: JUNINHO, que é um muito bom volante-armador do Bahêa! Chuta de fora da área e bate faltas como poucos. Espero que o Inter consiga contratá-lo. Seria o cara para jogar ao lado de RDA…

      Sem falar no VICTOR CUESTA “muito”, zagueiro canhoto do Indepediente de Avellaneda (o 66 pira!), com uma saída de bola impressionante (embora deixe a torcida a flor da pele com essas saídas). Só não sai com a bola para a lateral…Muito bom na bola aérea, boa velocidade e muito boa técnica.

    • Maurício disse:

      E felizmente a ameaça da contratação do Luis Fabiano se desfez!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s