A vitória e o novo esquema, segundo Antônio Carlos

Ricardo Duarte/Divulgação InterO torcedor que assistiu ao jogo da noite de quarta-feira, no Beira-Rio, percebeu que o Inter não mudou apenas a escalação – prática que o técnico Antônio Carlos vem adotando para testar os jogadores. Ele também alterou o esquema, fechando o meio-campo com três volantes (Anselmo mais fixo, Dourado e Charles com liberdade), e dando mais proteção para a movimentação do argentino D’Alessandro.

O esquema deu resultado. O Inter venceu, viu Charles se destacar de novo e D’Alessandro ter uma movimentação superior aos jogos anteriores.

– Se for ver, o Chelsea é líder do Campeonato Inglês com três zagueiros – explicou Zago. – Aqui, quando tem três zagueiros, se fala que é jogar retrancado. Se você tiver zagueiros que sabem jogar, eles vão ajudar meias e laterais. E três volantes também. Hoje nós jogamos com três e um deles, o Charles, acabou fazendo o gol. A tendência é seguir assim.

O esquema deve ser repetido contra o Caxias, no sábado.

Anúncios

Sobre mariomarcos

Jornalista, natural de criciúma, fã incondicional de filmes, bons livros e esportes
Esse post foi publicado em Inter e marcado , , , . Guardar link permanente.

7 respostas para A vitória e o novo esquema, segundo Antônio Carlos

  1. analista disse:

    Então Charles e Dourado tem condições de armar e concluir? Pode ser, pode ser, mas contra os times da série B, fechados, tem que abrir os sistemas defensivos na base da velocidade, movimentação e habilidade… conseguirão??? Eu testaria o Seijas e, se efetivamente não dá, que tragam um bom meia para auxiliar o Dalessandro e, claro, o mais importante, um CENTROAVANTE, um GOLEADOR…

    • Maurício disse:

      Com um cão de guarda fixo (mesmo estabanado, Anselmo é mais candidato que Bob) parece mesmo possível, dependendo do adversário, compensar a pouca velocidade do Dale com a alta mobilidade dos incansáveis Charles e Dourado. Só acho que, por mais voluntariosos que ambos sejam, o toque menos refinado do Dourado empobrece ofensivamente o meio. Mas com Dale, Valdívia e um centroavante matador – que não me parece ser o Roberson – pode sim dar certo.
      Conforme respondi ao Andreas ontem, acho normal que o esquema e as peças ainda estejam sob observação. Espero que o Pinduca não seja cabeça-dura como o antecessor, insistindo no que não tá dando certo. Tem até maio pra experimentar, corrigir e acertar.

    • Andreas Boos disse:

      Nao reparei em ninguem comentando ainda. Mas o nico lopez em 4 partidas oficiais marcou 2 gols e olha que ele nem atuou nas 4. Acho que realmente ele tem porte pra ser titular. Com a chegada do carlos do galo a disputa fica mais acirrada, pode sair coisa boa dai. Falta sequencia pro time, insistência no esquema e nas pecas dele. O charles e o dourado no meio pode dar certo.

      • Maurício disse:

        Me agradou a vinda do Carlos, mas acho que tanto ele como o Nico, o Brenner (cadê?) e até esse Roberson são ‘falsos 9’ né… E pelo que se viu até agora, seria o Nico o eleito.

  2. alessandro machado disse:

    Só para lembrar que academia do povo só tem uma e se chama inter, essa loucura!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s