Antônio Carlos promete um time de Série A. Com D’Alessandro

Ricardo Duarte/Divulgação InterAntônio Carlos Zago acerta em cheio ao destacar, em sua primeira entrevista, que o Inter terá um time de Série A na próxima temporada, mesmo disputando a Série B pela primeira vez. Há, pelo menos, dois bons motivos para isso: a torcida certamente não aceitaria ver a equipe reduzida porque terá outras competições para disputar e, principalmente, evitaria os riscos de cair ainda mais, dificultando a retomada.

A diferença entre o Inter e os outros participantes da Série B estará justamente no fato de ser um time grande, com torcida participativa e recursos para ter bons jogadores. Como aconteceu com quase todos os outros grandes que caíram, a volta à Série A ficará bem mais tranquila se o nível habitual for mantido.

Neste time, Antônio Carlos espera ver D’Alessandro, ídolo da torcida, líder da equipe nos seus melhores momentos, que fica emprestado ao River Plate até o fim deste ano. O técnico garante que vai falar com ele e até brincou ao lembrar que os dois participarão do jogo Lance de Craque, organizado por D’Alessandro, marcado para o próximo dia 21.

– D’Alessandro vai ter um grande teste dia 21. Eu vou jogar na defesa e ele no ataque – brincou. – Vamos conversar bastante e procurar nos entendermos dentro de campo. O D’Alessandro é um dos três maiores ídolos da historia do Internacional. Na minha opinião, era para ter ficado no Inter, não sei o que aconteceu. Espero contar com o D’Alessandro no próximo ano.

Anúncios

Sobre mariomarcos

Jornalista, natural de criciúma, fã incondicional de filmes, bons livros e esportes
Esse post foi publicado em Inter e marcado , , , . Guardar link permanente.

35 respostas para Antônio Carlos promete um time de Série A. Com D’Alessandro

  1. Maurício disse:

    Simpatia não ganha jogo: o Atlético Nacional acaba de levar 3 do Kashima Antlers.
    Houve um pênalti marcado com recurso de vídeo.

    • INTERminável COLORADO disse:

      Se tomou 3 do Kashima, imagine quantos não levaria do Real?

    • Para o Campeão da Libertadores ganhar o mundial, terá que acontecer uma grande zebra na Europa e chegar um time muito fraco na final.

      • Fifaldino disse:

        O Mundial FIFA mostra, mais uma vez, que o mundo DE VERDADE tem mais do que dois continentes.

      • João disse:

        Verdade. A prova disso é o campeão japonês disputando no carteiraço por ser do país sede.

      • Fifaldino disse:

        Tanto quanto qualquer país sede em Copas do Mundo. Fica meio sem graça fazer um torneio sem a participação de um representante da casa, né?

      • Moscão Tricolor disse:

        O que é Mundial Fifa?

      • CAMPEÃO DE TUDO disse:

        Eis a diferença de um Mundial de Clubes para uma Copa Intercontinental! Terceira zebra da história em 14 edições. Perder para europeu nunca foi zebra!

      • João disse:

        Ashuahsuahsuahsuahsua… Claro. Kashima vai fazer história como o Casablanca também fez… No carteiraço. Como os clubes mexicabos na LA. Ou tipo o Corinthians, em 2000. Tsc, tsc, tsc…
        Óbvio que perder para Europeu nunca foi zebra pois a disputa sempre foi equilibrada.
        Esse pessoal que nasceu em 2006 tem cada uma…

      • CAMPEÃO DE TUDO disse:

        Dos europeus que sequer iam disputar o Intercontinental o João se cala! É compreensível!

      • João disse:

        Ashuahsuahsiahsia… Mais um que desconhece a história pré 2006. As equipes europeias se recusaram a disputar devido à violência dos clubes sulamericanos. Chegaram a dizer que a Libertadores não era um campeonato legítimo. Desculpas e mais desculpas. A partir dos anos 80 a Toyota começou a botar dinheiro e levou o torneio para o Japão, em campo neutro. Cogitaram até Nova York… Mas você não era nascido e não acompanhava futebol. É compreensível…

      • Marcelo disse:

        O Kashima não foi a terceira zebra em 14 edições. Foi a quarta.
        Você está esquecendo da maior delas: Inter 1 x 0 Barcelona.

      • João disse:

        Por mais que eu goste de cornetear, nunca vou considerar a vitória de um time sulamericano uma zebra.

      • Maurício disse:

        Bueno, tuas opiniões é que perderão valor com isso.

      • João disse:

        Nossa, que decepção… Ashaujsushsushsushsujsjs

  2. INTERminável COLORADO disse:

    Quem é Miguel Borja? O Miguel Borja fez gol no Kashima? Não?

  3. Maurício disse:

    O Final listou 15 jogadores retornando de empréstimo. Eis a ‘nababesca’ lista:

    Muriel (contrato expira em maio – tomara que o Bahia abrace essa bronca!);
    Maurides e Augusto (jun);
    Dale, Bertotto, Cassiano, João Afonso e Taiberson (dez);
    Winck (mar/18);
    Baio (jun/18);
    Réver (jul/18 – tomara que o Flamengo abrace essa bronca!);
    Luque, Bruno Gomes e Mike (dez/18);
    Alisson Farias (dez/19 – fica até julho no Estoril).

    Fora o Dale, testaria o tão bem-falado Bruno Gomes e daria mais uma chance pro Mike, e o resto pode procurar destino.

  4. Maurício disse:

    Gostei de ler que o Roberto Melo também acha importante aproximar o sub-23 do time principal. Acredito que, assim como ficar de fora da Libertadores, a série B também deve ter a ‘virtude’ de afastar a boleiragem que gosta de se encostar numa boa situação. A emblemática declaração do Maicon após o incomum título tricolor, certamente sem perceber o ato-falho, dizendo que ‘agora todo mundo quer jogar no 6rêmio’, ilustra bem isso.
    É hora de aproveitar a ausência de grandes competições pra valorizar as pratas da casa, pra revelar novos talentos e desinchar a folha. Duvido que o clube possa/pretenda fazer grandes investimentos em nomes consagrados.

  5. Guasca disse:

    Acredito que, assim como ficar de fora da Libertadores, a série B também deve ter a ‘virtude’ de afastar a boleiragem que gosta de se encostar numa boa situação.
    Não sei a série B tem a virtude de afastar os caras. Não adianta jogar na A e não receber. O Inter é conhecido – e não é de hoje – por pagar em dia. Lembro-me do Fernandão que tinha proposta do Flamengo mas veio para o Colorado pois sabia da boa fama do Inter.

    Mantendo o Danilo, Wilian, Dourado, Poko Pika, Nico, Seijas, talvez o Ernando e com o retorno do D’Ale, dá pra manter um esboço e recompor com gurizada da base.

    • Marcião disse:

      Segundo fontes, o Palmeiras se interessa pelo Willian, e estuda oferecer jogadores ao Inter. Allione, Arouca, Rafael Marques, Thiago Martins, Matheus Salles e Victor Luis seriam os nomes.

    • Maurício disse:

      Concordo, o salário em dia deve valer muito sim, mas lembra que já foi assim no início deste ano? Aquela limpeza no elenco me parece ter sido bastante facilitada pelo fato do Inter não ter conseguido vaga na LA.

  6. INTERminável COLORADO disse:

    O Inter precisa criar uma espinha dorsal (jogadores de grande qualidade e liderança), a começar pelo goleiro. Temos o DANILO F. Precisamos de um para a zaga, dois para o meio-campo e um para o ataque. Junte-se a esses, alguns jogadores de boa técnica com rodagem e outros carregadores de piano com vontade de vencer, mas com experiência e rodagem, mais a gurizada da base, e poderemos ter um bom time.

  7. CAMPEÃO DE TUDO disse:

    Algo me diz que o Dr Série B (Mano Menezes) aportará no Beira-Rio em algum momento do ano que vem.
    A propósito: cadê a turma do “Fora Todos” nesse momento mais do que adequado?

  8. Arthur Vanderlei disse:

    Nunca é demais lembrar que essa é uma promessa nascida em vão.
    Não interessa quem jogar, é certo que o detrator do Jeovanio treinará um time de série B.

    Não adianta querer se enganar.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s