Grêmio arrasador vence Atlético e fica bem perto do título

Lucas Uebel/Divulgação GrêmioNão foi apenas uma vitória. Os 3 a 1 sobre o Atlético-MG, no Mineirão, na noite desta quarta-feira, foi uma demonstração de ampla superioridade do Grêmio diante de quase 50 mil torcedores mineiros que lotaram o estádio. Quem fez festa, diante do futebol do time, foram os pouco mais de 3 mil gremistas que estavam no Mineirão.

Com a vitória, o Grêmio garante uma vantagem ampla para a decisão da Copa do Brasil, na próxima quarta-feira, na Arena que deverá ter recorde de público, e fica bem perto de interromper a longa sequência de 15 anos sem títulos.

Desde o início, ficou claro que o jogo se encaminhava para a vitória gremista.

O resultado de 1 a 0 no primeiro tempo foi modesto demais para a ampla superioridade do time. Pedro Rocha fez um e poderia ter marcado pelo menos outros três, em lances nos quais ficou sozinho, diante de Victor. No segundo, quando o próprio Pedro Rocha foi expulso e o Atlético descontou, o Grêmio voltou a reagir com força e marcou o terceiro gol, restabelecendo a vantagem de dois gols.

O que fez Renato para ter uma vitória tão indiscutível?

Adiantou a marcação, pressionou o Atlético em seu próprio campo, dificultando a saída, isolou Robinho e Lucas Pratto do meio-campo e aproveitou, com troca de passes e jogadas em velocidade todas as fragilidades conhecidas do sistema defensivo mineiro.

O primeiro gol surgiu de um erro do Atlético por causa desta marcação. Cazares tentou o passe e deu no pé de Maicon. Dali, o Grêmio avançou em troca de passes, enquanto o Atlético dava a impressão de esta paralisado. Na intermediária, Maicon lançou rasteiro, entre os zagueiros. Pedro Rocha avançou, driblou Gabriel e com o pé esquerdo tocou em curva, no canto direito. Um a zero.

Depois disso, Pedro Rocha quase marcou por cobertura, na saída de Victor (Gabriel salvou), e em outras duas entrou livre, tentou colocar, mas o goleiro defendeu.

O segundo gol que não saiu no primeiro tempo, surgiu logo no início da fase final: aos nove minutos, outra vez em jogada de velocidade, Pedro Rocha arrancou do meio, passou com facilidade pelos marcadores e colocou na saída de Victor (foto). Dois a zero.

O Atlético só melhorou na parte final da partida, quando Pedro Rocha – que recebera cartão por tirar a camiseta na comemoração do gol – fez falta, foi advertido com cartão e expulso de campo. Com um jogador a mais, o Atlético foi para o sufoco, mesmo sem organização, e descontou aos 36, com Gabriel, depois de cobrança de escanteio.

Pouco depois, Renato trocou Douglas por Éverton – que entraria em lugar de Pedro Rocha. Deu certo. No momento do maior sufoco e nervosismo da torcida, o zagueiro Pedro Geromel avançou para o ataque, na função de ponteiro, e cruzou para Éverton, que entrava na área em velocidade. A conclusão foi precisa: 3 a 1 aos 45 minutos.

O Grêmio agora praticamente abandona o Brasileirão. Domingo, nem Renato vai a Recife para o jogo contra o Santa Cruz. Toda a atenção do clube e do grupo principal está voltada para a decisão de quarta-feira.

 

Anúncios

Sobre mariomarcos

Jornalista, natural de criciúma, fã incondicional de filmes, bons livros e esportes
Esse post foi publicado em Copa do Brasil, Grêmio e marcado , , , . Guardar link permanente.

46 respostas para Grêmio arrasador vence Atlético e fica bem perto do título

  1. Arthur Vanderlei disse:

    Se vai ser campeão, eu não sei (mas desconfio…). Mas, o que eu sei é que foi uma baita partida do Grêmio!!!
    Valeu, Renato, monstro!

    Como é bom ser gremista!!!!

  2. Roberto disse:

    Como diria o jegue aquele: “O Grêmio foi muito bem no primeiro jogo da descisão” kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

  3. Gabriel Lorensi Lopes disse:

    Mario Marcos, apenas para completar teu
    comentário, ficou faltando o registro que o gol do Atlético foi resultado de um escanteio que não aconteceu. Se tivesse sido algum gol do Grêmio resultante de um erro de arbitragem, tenho certeza que a mídia estaria em cima dessa tecla. E ainda não vi esse destaque em lugar nenhum.

    • Gaudêncio disse:

      O Juca escreveu:
      “Depois de muita pressão, aos 36, Fábio Santos bateu escanteio (que deveria ter sido tiro de meta) pela esquerda e Gabriel pegou uma balaço de primeira, de sem pulo, para diminuir: 2 a 1.”
      Mas entendo seu ponto de vista: é a omissão da mídia do RS.
      Já o Fernando Sampaio escreveu:
      “Voltando a final da Copa do Brasil, Bassols continua fraco. A expulsão do Pedro Rocha foi ridícula. Não adiantou nada ser caseiro. O Grêmio atropelou. O Galo reza pela Zebra.”
      Considerei a expulsão justa, mas fruto do preciosismo do Bassols e de uma infantilidade do Pedro Rocha ao comemorar tirando a camisa – não estaria na hora de instituir um tipo de cartão para este tipo de lance? Punir com um cartão alguém pela alegria do gol me parece um excesso de rigor – até porque existem jogadas muito mais violentas e os árbitros acabam pipocando.

  4. Miguel disse:

    Tô pra dizê que o Grêmio tem o melhor meio de campo do Brasil.

  5. Gaudêncio disse:

    O que me fascina é o silêncio dos torcedores colorados – com seus fakes e sua fauna de bichos. Ninguém até agora para contestar aquilo que a realidade indica…

    • Ricardo - DF disse:

      Se confirmar a queda do Binter, acho que as coisas vão mudar um pouco aqui no blog…

      • Gaudêncio disse:

        No fundo, no fundo… vai perder o colorido do histrionismo que a gente percebe aqui. Me parece que a torcida do Grêmio que vem a este espaço tem uma percepção do futebol um pouco além da perversa e doentia visão de que tudo sabe(m).
        Fica mais civilizado o espaço sem as patifarias…

      • INTERminável COLORADO disse:

        Mudar como e por que?

      • Diego disse:

        Mudar a arrogÂncia das moranguinhas, que se achavam superiores devido 5 aninhos de supremacia. Tudo voltou ao normal, o Campeão voltou.
        Abraços do Rei de Copas

      • Maurício disse:

        Duvido. A gremistada tem que comer muito feijão com arroz ainda.
        Devagar com o andor.

      • INTERminável COLORADO disse:

        O Gaudêncio 7 luas só pode estar de brincadeira…

    • Maurício disse:

      ‘Me fascina’ é ótimo… kkkkkkkkkkk
      Aqui colorado não se esconde, novato.

  6. Ricardo - DF disse:

    Que jogo incrível. Era um passeio gremista até que o P. Rocha demonstrou a quantidade de alpiste que tem na cabeça e se auto-expulsou. Atacante deveria levar uma multa pesada cada vez que tirar a camisa numa comemoração. Logo ele, que fez o jogo da sua vida! Quem poderia imaginar que Rocha, o aleatório, iria fazer dois golaços no mesmo dia? Em vez de sair de campo aclamado pelos gremistas, saiu chorando, expulso.

    O galo perdido, o Grêmio dominando, podendo aumentar a diferença. A expulsão deu ânimo e esperança ao galo, que foi para cima. Virou um drama. Quem imaginaria que nosso grande Geromel ia comer mosca num escanteio que não houve! Já estava esperando o crime acontecer, empate ou derrota injusta, quando Geromel opera um milagre com Éverton, aos 45 min! Que cruzamento perfeito!

    O principal, além da vantagem de mais um gol, foi o baque no galo. O galo morreu no 3o gol, quando faltavam ainda 6 min. de jogo. Calou até o “eu acredito ” da torcida.

    Vitória espetacular….

  7. Ricardo - DF disse:

    Agora, convenhamos, começo a achar que a tal da IVI – imprensa vermelha isenta, existe de fato. Dois colunistas da ZH vem dizer que o Grêmio já é campeão. Incrível.

    • Ricardo - DF disse:

      As coisas se misturam. O Flamengo é mega popular por que o Roberto Marinho, que era flamenguista doente, articulou com a cúpula da Globo a popularização do clube, em especial no Norte e Nordeste, lá pelos anos 70, usando o alcance nacional da emissora. O objetivo empresarial era aumentar a audiencia nos jogos do clube eleito por ele o mais popular do país.

    • Diego disse:

      IVI é mais real que a morte.

    • INTERminável COLORADO disse:

      Que chinelagem essa RBS…qué qué qué!

  8. Diego disse:

    Entenderam agora porque Copa Grêmio? CHUPAAAAAAAA COLORIDAS!!!!!!!!

  9. Kiko Marques disse:

    Por que um jogador tirar a camisa, símbolo maior do clube, na hora de comemorar um gol.? Não precisa explicar, eu só queria entender.

    • Gaudêncio disse:

      Kiko, com todo respeito…
      O gol é o momento de extravasar – no caso do Pedro Rocha, inclusive desabafar, deois de tantas críticas JUSTAS.
      O erro, na minha opinião, é igualar a punição para um jogador que tira a camiseta para comemorar um gol com o cartão aplicado a outro que dá uma voadora no adversário.
      É preciso, na minha opinião, ter uma terceira cor de cartão, que seria disciplinar e incidiria em multa ao atleta/clube.
      Ao punir o Pedro Rocha por uma indisciplina (tirar a camiseta), o apitador (que seguiu o que determina a regra) penalizou o clube.
      Defendo – e não é de hoje! – que se tenha um cartão para este tipo de “falta” (reclamação, comemorar o gol no alambrado, tirar a camiseta).
      Na minha visão, os cartões amarelo e vermelho seriam para faltas técnicas, falta de jogo.

  10. Guasca disse:

    Que horário desgraçado. Não consigo acompanhar jogo inteiro do Inter, muito menos o do Grêmio.
    Acompanhei o primeiro tempo. Qualquer placar possível dentro de 1 x 4 nessa etapa seria justo.

    No jogo de volta, o Galo terá que jogar pra cima para tentar algo. Com essa zaga correm o risco de tomar uma goleada histórica na Arena, mesmo que eu não me recorde do Grêmio jogando bem em duas partidas consecutivas.

    O Grêmio está com uma mão e 4 dedos na taça.

  11. Assisti o 1º tempo. O Galo era defesa e ataque não tinha meio campo e o Grêmio deitou e rolou.
    Rafael Carioca, Leandro Donizete, não jogaram eram os obreiros do meio campo.

  12. INTERminável COLORADO disse:

    Tá morta a cobra, ou melhor, o galo!

    • INTERminável COLORADO disse:

      Parabéns ao tricolor dos pampas pelo título merecido da Copa do Brasil. Finalmente a gangorra virou de vez. Ainda mais com o inevitável rebaixamento do Inter. Desta vez ela virou, revirou acabando por quebrar ao meio. Definitivamente os anos 90 voltaram.

    • Ricardo - DF disse:

      O Grêmio não é campeão, o Inter ainda não foi rebaixado. Segundo meu ex-monitor na Elétrica da UFRGS, Tristão, a probabilidade é de 90%.

    • Diego disse:

      INTERminável COLORADO disse:
      novembro 23, 2016 às 3:57 pm
      Vou dar risadas mil se o Inter NÃO cair e o Grêmio NÃO for campeão da CB…

      kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

      • INTERminável COLORADO disse:

        E eu falei besteira? Nada disso aconteceu ainda. Pode como não pode. Por que tu está rindo?

        A questão é que EU CREIO que o Grêmio JÁ É CAMPEÃO com a vitória de ontem, embora no futebol tudo seja possível. Mas nesse caso é muito, mas muito improvável que ocorra uma tragédia monumental. Portanto, Grêmio CAMPEÃO! Podem comemorar, gremistas de todas as querências…

      • Diego disse:

        Tá bom então, Binterminável…

  13. Diego disse:

    CAMPEÃO DE TUDO disse:
    outubro 20, 2016 às 12:02 am
    A freguesia do Imorrível é tamanha que é capaz de perder até para os reservas do Cruzeiro!

    juliocolbeich disse:
    outubro 20, 2016 às 12:21 am
    Faz parte, o imortal morre contra o Cruzeiro ou contra Inter ou Atlético, mas vai morrer, como todos já sabem.

    CAMPEÃO DE TUDO disse:
    outubro 19, 2016 às 11:57 pm
    Eu havia dito, antes ainda do primeiro confronto contra o Fortaleza, que o Inter ia chegar até a semifinal da Copa do BR. E vai parar aí! O Imorrível também vai ficar pelo caminho pois é freguês do Cruzeiro, NUNCA eliminou os mineiros em mata mata! Vai ter final mineira de novo!

    CAMPEÃO DE TUDO disse:
    outubro 20, 2016 às 12:27 am
    Se o Inter queimasse a minha língua e passasse do Galo teria grandes chances pois ia se deparar com dois fregueses nos mata matas:

    Internacional 5 x 1 Cruzeiro
    1962 – Internacional elimina o Cruzeiro nas quartas de final do C. Brasileiro (Taça Brasil)
    1975 – Internacional vence o Cruzeiro na final do Campeonato Brasileiro
    1987 – Internacional elimina o Cruzeiro na semifinal do Camp. Brasileiro (Copa União)
    1988 – Internacional elimina o Cruzeiro nas quartas de final do Campeonato Brasileiro
    2000 – Cruzeiro elimina o Internacional nas quartas de final do Campeonato Brasileiro
    2004 – Internacional elimina o Cruzeiro nas oitavas de final da Sul-Americana

    Internacional 5 x 0 Grêmio
    1988 – Internacional elimina o Grêmio na semifinal do Campeonato Brasileiro
    1992 – Internacional elimina o Grêmio nas quartas de final da Copa do Brasil
    1999 – Internacional elimina o Grêmio na segunda fase da seletiva para Libertadores
    2004 – Internacional elimina o Grêmio na segunda fase da Sul-Americana
    2008 – Internacional elimina o Grêmio na segunda fase da Sul-Americana
    Responder

    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk, que dia senhores…

    • Marciano disse:

      E ainda dizem que não temos momentos de felicidade.
      Que cousa!

      Hihihihihihihi

    • Gaudêncio disse:

      Diego, observe bem as datas “finais”…
      2004 – Inter elimina o Cruzeiro
      2008 – Inter elimina o Grêmio

      Estes dados mostram que o Inter “morreu” depois do Mazembaço.

      Caso o Inter realmente caia e com o risco do Vasco não obter acesso no jogo contra o Ceará, teremos uma Série B muito interessante em 2017…

  14. Ricardo - DF disse:

    Alguém dá a descarga no WC ? Parece que tá entupido, pelo cheiro que sai dali…

  15. Ricardo - DF disse:

    Tava comentando que, se confirmar a lógica, talvez esse blog volte a ser mais equilibrado em termos de participação de gremistas e colorados. A falta de sucessos do tricolor associada ao harcelamento (“bullying”) colorado espantaram os torcedores do tricolor aqui do blog. Nos posts sobre o Inter, 100% de comentários colorados. Nos posts sobre o Grêmio, 90% de comentários colorados. Tinha que fazer força para encontrar um comentário de gremista no meio da maré vermelha. Oxalá isso mude!

    • Guasca disse:

      Vou discordar quanto a participação – não levando em conta ontem e hoje.
      Posts do Inter: 90% Colorados
      Grêmio: Tem alguns que passam batido. Nem Gremistas comentam.

    • mcatvida disse:

      Ricardo-DF, antigamente este blog contava com a participação de muitos gremistas. Muitos deles com opiniões bastante interessantes e dispostos a trocar idéias em prol do crescimento do clube e de sua torcida. Acontece que aquilo que você chama de bullying (eu chamo de criancice e avacalhação), afastou estas pessoas daqui.

      Uma flauta aqui, outra ali, tudo bem. É do jogo! Mas aqui todo comentário de gremista é carimbado por uma centena de ironias, piadinhas sem graça, deboches e insultos. Basta ver que, mesmo estando na pior fase da história do clube, sendo rebaixados e vendo o Grêmio ser campeão, eles não abaixam a guarda, não reconhecem a inferioridade do momento e continuam por aí, se sentido superiores em relação aos tricolores que insistem em debater nesse espaço.

      Cabe ressaltar que não são todos. Existem colorados nesse blog cujo debate poderia ser bastante interessante e produtivo. Mas, infelizmente, a minoria aqui é bastante barulhenta.

      • Maurício disse:

        Prova que tu não conhece o blog. Quem propõe questões de futebol, como o próprio Ricardo faz amiúde, debate normalmente com vários colorados que também flauteiam – me incluo.
        A real é que os tricolores cansaram de ser gozados, o que é bem compreensível, e acabaram ficando alguns poucos que sabem ignorar as brincadeiras que não agradam sem dar piti, e um ou outro retardado que SÓ aparece pra flautear – e obviamente são esculachados a ponto de apelarem.
        Pode ser que um título devolva a confiança aos mais equilibrados, e o debate volte a ocorrer mais frequentemente. Deixem de ser cagões!

    • Maurício disse:

      É só vocês deixarem de ser cagões.

  16. Papa Charlie disse:

    Entreguem a taça para o greBBio! Já era o galo.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s