O empate e a classificação, segundo Renato

Lucas Uebel/Divulgação GrêmioRenato estava claramente aliviado na entrevista coletiva, ao lado da filha Carol. Pouco antes vira o time atingir seu objetivo de eliminar o Cruzeiro e chegar à final da Copa do Brasil, contra o Atlético-MG. Será a oitava decisão de Copa do Brasil do Grêmio e a quarta do técnico. Foi uma classificação no seu estilo: nada de riscos, muitos cuidados e, acima de tudo, uma disputa de acordo com o regulamento – que prevê a disputa em dois jogos ou 180 minutos.

– Nunca escondi de ninguém que sou gremista e peço muito para meus jogadores se colocarem no lugar dos torcedores. Entender a vontade que eles têm de voltar a ser campeões. É difícil, mas é uma satisfação muito grande. É juntar o útil ao agradável, como torcedor e profissional. O mais importante de tudo foi que o Grêmio conseguiu o objetivo de chegar à final. Sabíamos que íamos encontrar um adversário muito difícil. Hoje o Mano  armou o Cruzeiro muito bem. Só que o Grêmio jogou 180 minutos, e o Cruzeiro, só 90. Pagou por isso. Essa classificação eu dedico a nossa torcida.

Anúncios

Sobre mariomarcos

Jornalista, natural de criciúma, fã incondicional de filmes, bons livros e esportes
Esse post foi publicado em Copa do Brasil, Grêmio e marcado , , , . Guardar link permanente.

10 respostas para O empate e a classificação, segundo Renato

  1. Fifaldino disse:

    A6ora talvez vá!!

  2. Diego disse:

    Pezinho no Chão!!!!! Galo favoritaço, mas com muita sorte, pode brilhar pra gente!!!!

  3. Miguel disse:

    Só quero que o Atlético não melhore a marcação.

  4. INTERminável COLORADO disse:

    CAROL PORTALUPPI, invadiu o campo antes do final da partida, segundo o 4o. árbitro, CHICO COLORADO (esse Noveletto é foda!)…

    Isso se chama, e está na regra, INVASÃO DE CAMPO. O pior, foi CONSENTIDA pelo próprio clube dono da casa, no caso, Renato Portaluppi. Ela estava na arquibancada atrás do banco de reservas e entrou antes do final do jogo, a pedido do Renato, sentando no banco de reservas e, após o final, entrou em campo com o técnico.

    Punição: PERDA DO MANDO DE CAMPO, de 1 a 3 jogos, além de multa…O jurídico do tricolor terá trabalho pra se livrar dessa.

    Se o julgamento ocorrer antes da final da CB, o que não acredito, o Grêmio terá que jogar fora da Arena a decisão (mas se for punido cumprirá na próxima CB). Não no Beira-rio, pois o Inter não emprestaria, mas em Curitiba, Cuiabá ou em algum estádio que tenha mais de 25 mil lugares de capacidade…Que coisa!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s