Para entender como a tirania se estabelece

Escritor, filósofo, palestrante como poucos, polemista, homem de grandes frases, o professor Leandro Karnal explica no vídeo como os tiranos surgem e se estabelecem. Gostei especialmente quando ele fala nos funcionários que ‘lambem botas do patrão’ e que tiranizam quem está logo abaixo na hierarquia. Qualquer um de nós conhece gente que se encaixa neste perfil, certo?

Uma boa lição.

Anúncios

Sobre mariomarcos

Jornalista, natural de criciúma, fã incondicional de filmes, bons livros e esportes
Esse post foi publicado em Gente e marcado , , , . Guardar link permanente.

7 respostas para Para entender como a tirania se estabelece

  1. Campeão FIFA disse:

    Não sei se o David Coimbra é agressivo com a faxineira dele.
    O que eu sei que ele encarna o protótipo do lambe-botas-do-patrão do momento.

  2. Papa Charlie disse:

    É o que mais tem…

  3. Ronaldo disse:

    Aqui em Barbacena aonde resido, a metade do povo é lambe botas dos Bias Fortes, antiga família de tradição política, e a outra metade dos Andradas, descendentes daquele famoso mesmo do tempo de Dom Pedro. Tudo o que eles fazem, por mais vil que seja todos aplaudem e os defendem, bem como a turma bem conhecida aqui dos petistas que fazem o mesmo com os “patrões” do partido, este tipo de pensamento é um atraso e um estorvo para o bem do país. Espero que os dias de idolatria de pessoas, partidos e ideologias esteja chegando ao fim.

  4. Ricardo - DF disse:

    Falando em tirania, o STF, na véspera do dia do funcionário público ataca o direito de greve do funcionalismo. Em qualquer greve, independente se legal, ilegal, o que seja, os funcionários terão o ponto imediatamente cortado. Medida tomada em sincronia com a pavorosa PEC 241, agora 55, para evitar a avalanche de greves que viriam em protesto contra esse crime contra a população.

    Macchiavelico, facista… o que esperar de um governo golpista ???

  5. Ronaldo disse:

    O povo votou e mostrou de que lado estão, e as urnas são soberanas como todos bem gostam de afirmar aqui. Porto Alegre cansou de ideológicos demagogos de esquerda e elegeu alguém que é a favor dos projetos acima criticados, então isto demonstra que o povo sim quer mudanças e não acredita mais em apenas palavras e devaneios. E antes que comecem a dizer que nulos, brancos e abstenções foram maiores do que os candidatos, provoco que voltem e vejam os mesmos dados na eleição da Dilma e comparem.

    • Ricardo - DF disse:

      Ideólogos demagogos de esquerda ?

      Mesmo que tenhamos tido corrupção no governo PT, houve uma significativa transferência de recursos para as classes menos favorecidas. Populismo, demagogia ? Essa é a opinião da direita, que não consegue imaginar alguém genuinamente preocupando com seu semelhante. A direita, adoradora do capitalismo, só consegue enxergar egoísmo, seja onde for.

      E antes que venham com a lenga-lenga de que a indústria não cresceu, lembro que, “nunca antes na história deste país”, houve tanto incentivo para a indústria eletrônica. Se desenvolveu o programa de Microeletrônica, se desenvolveu o sistema nacional de televisão, se ampliaram as vagas e o número de universidades públicas.

      Agora, Ciência e Tecnologia é relegada ao 4o escalão da estrutura governamental (procurem carta da SBPC e ABC), pelo governo Temerário. Voltamos a concepção coronelista das oligarquias atrasadas, que se contentam em serem eles os gerentes do grande capital, desprezando a capacidade nacional, ficando de quatro para o primeiro mundo. Entregamos nossas riquezas, explorem-nas e nos dêem nossas comissões, que manteremos amordaçados os nativos que querem se rebelar.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s