Inter x Vitória: um jogo de paciência no Beira-Rio

Ricardo Duarte/Divulgação InterAlguns jogos ao longo de um campeonato entram na categoria dos que valem seis pontos – os três da vitória, mais os três que o adversário deixa de ganhar. É o caso do confronto da noite desta quinta-feira, no Beira-Rio, entre Inter e Vitória.

Poucas vezes um jogo significou tanto para o Inter. Não por decidir algum título, mas por ser mais uma chance de seguir fora do grupo dos rebaixados da Série A.

No momento, o Inter segue à frente do Vitória (27 a 26 pontos) e é fundamental seguir assim. Se vencer, independentemente do resultado do Figueirense na abertura da rodada, segue fora do chamado Z-4.

Celso Roth não tem dúvidas de que será uma partida de paciência.

Pressionado pela necessidade, diante de um adversário que também vive um drama, treinado por Argel, ex-técnico do próprio Inter, o time precisará de calma para chegar ao resultado. Algo que aconteceu também diante do Fortaleza, como lembrou Roth nas conversas com os jogadores.

A equipe vai precisar superar o adversário e a ansiedade.

Os dirigentes esperam um grande público, até porque a torcida também é indispensável em momentos como este.

Em campo, o Inter deve ter a volta do zagueiro Paulão e do lateral Géferson.

O jogo começa às 21h.

Anúncios

Sobre mariomarcos

Jornalista, natural de criciúma, fã incondicional de filmes, bons livros e esportes
Esse post foi publicado em Brasileirão, Inter e marcado , , , . Guardar link permanente.

15 respostas para Inter x Vitória: um jogo de paciência no Beira-Rio

  1. INTERminável COLORADO disse:

    Novamente, não há outra opção. É vencer ou vencer!

  2. Maurício disse:

    Vitória simples garante 2 posições na tabela, ou 3 se o Sport não pontuar contra o Galo.
    Pena o Eduardo não ter a devida sequência na zaga, mas é hora pros cascudos.

    É noite pra 4ª maior torcida pagante do campeonato fazer sua parte de novo.
    E sem vaia burra… Esqueçam o Gefferson!

  3. analista disse:

    Ganhar ou ganhar!

  4. CAMPEÃO DE TUDO disse:

    Os resultados paralelos estão ajudando de novo! O Inter não pode se queixar de falta de sorte, até o América fez um crime! Joga em casa contra um time fraco e adversário direto! Não tem desculpa!

  5. alessandro machado disse:

    Sorte que tem Géferson, agora vai!

  6. INTERminável COLORADO disse:

    Sonheir que GEFFERSON faria o gol da vitória hoje. Aos 49 minutos do segundo tempo, de pé direito, após o goleiro defender um pênalti inexistente sobre Nico Lopez, depois que ele, impedido, adentrou à área e se atirou no gramado, sem o goleiro tocá-lo, simulando a falta. Ah, e o árbitro ainda expulsou o goleiro do Vitória, que já havia feito as 3 substituições. Para completar, o Vitória ainda coloca uma bola na trave de DANILO, tudo isso aos 50 minutos do segundo tempo.

  7. analista disse:

    Mas que tá errado não escalar o ceará na esquerda, isso tá!!!!!!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s