Inter: a nova derrota, segundo Celso Roth

Ricardo Duarte/Divulgação InterUm gol logo a um minuto deu a impressão de que o Inter estava realmente entrando em uma nova fase no campeonato. Mas, aos poucos, o time passou a ser dominado e sofreu dois gols em momentos de descuido, no fim do primeiro tempo e no início do segundo. Deixou de ter equilíbrio, na definição preferida do técnico Celso Roth. Foi o principal destaque feito por ele ao avaliar a derrota:

– Nos comportamos muito bem, mas erramos coletivamente no final do primeiro tempo e depois, no início do segundo. Aí, dá desequilíbrio para qualquer equipe. Mas tivemos rendimento bem interessante. Não acho que tenhamos jogado tão mal. Foi razoável, mas poderia ter sido melhor em termos de placar. Colocamos o Ceará com um pouco mais de estatura, e o William no meio, que se solta. Ficamos mais agudos,com o Vitinho também. Com o Anderson na armação. Funcionou, mas não como eu queria.

Anúncios

Sobre mariomarcos

Jornalista, natural de criciúma, fã incondicional de filmes, bons livros e esportes
Esse post foi publicado em Brasileirão, Inter e marcado , , , . Guardar link permanente.

17 respostas para Inter: a nova derrota, segundo Celso Roth

  1. Diego disse:

    Faltam 14 jogos…

  2. analista disse:

    Perdemos o meio campo… aquele volante, eduardo, não me parece adequado, ainda mais ao lado de um Dourado bastante móvel… o ideal é Fabinho e Dourado, com os outros meias fechando mais um pouco para marcar… e não podemos recuar tanto…

  3. Guasca disse:

    O que foi a entrada do Anderson?

  4. Maurício disse:

    Apesar das entradas infrutíferas de Vitinho (errou TUDO pra variar) e Anderson, concordo em linhas gerais com o Roth. Mas que é preocupante ver que o Inter simplesmente não tem banco, é!
    Discordo da insistência do Campeão de Tudo com o Alex na lateral, mas concordo plenamente com o que disse ontem sobre o jogo:
    De resto, nada de pânico! A derrota para o CAP terá como efeito positivo a não acomodação e a necessidade de ir com “sangue nos olhos” nos próximos dois confrontos, que são decisivos pois são concorrentes diretos. Além do mais os resultados paralelos nos beneficiaram. Se tem uma coisa que o Inter não tem do que se queixar é de falta de sorte!

    • alessandro machado disse:

      O inter tem falta de sorte pessoal, quando escolheu mal o batedor contra o são paulo ou não conseguiu segurar o resultado nos últimos minutos.

      • CAMPEÃO DE TUDO disse:

        O Inter ficou 14 partidas sem ganhar e só foi entrar no Z4 na 14ª partida sem vitória e mesmo assim ficou só uma rodada! Qualquer outro time, até uns que se designam imorríveis, teria afundado na zona rapidinho! Depois o Inter perde mas os concorrentes perdem também! Agora pega dois times do Z4 na sequência! Não pode se queixar da sorte!

  5. INTERminável COLORADO disse:

    E ARGEL poderá ser o técnico do Vitória já contra o Inter. Estamos “fucks”!

  6. alessandro machado disse:

    Ta de boa Roth, nem vou falar nada..

  7. Marcião disse:

    Só digo uma coisa: o problema NÃO ERA O FALCAO.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s