O dia em que o grande Quino inverteu o mapa do mundo

Esta tira da imbatível Mafalda, do grande Quino, sugerida pelo leitor Marcus Rosa de Souza, parece ter sido feita para os tempos atuais: o mapa do mundo de cabeça para baixo.

Em Davos, os líderes que sempre controlaram o dinheiro do mundo dizem que é preciso olhar (e investir) nos países da América do Sul, com destaque especial para o Brasil. Quino parece ter antecipado estes novos tempos.

Além dos sul-americanos, o novo clube se fortalece com os outros emergentes, formados por Rússia, Índia e África do Sul.

É um quadrinho bem adequado.

Sobre mariomarcos

Jornalista, natural de criciúma, fã incondicional de filmes, bons livros e esportes
Esse post foi publicado em Gente e marcado , , , . Guardar link permanente.

30 respostas para O dia em que o grande Quino inverteu o mapa do mundo

  1. tiago disse:

    Quino é genial… Esta tira me lembra outra em que a Mafalda, ao observar um globo terrestre, chega à conclusão que não crescemos com o passar dos anos, simplesmente esticamos com o peso da nossa cabeça, que em função da posição do hemisfério sul ficaria sempre virada para baixo!!!

  2. Luiz disse:

    E depois todos abominam uma “ditadurazinha” em alguma republiqueta sulameircana, mas sem elas, não existiriam Quinos, Helfins, Jaguares e outros que em não raros momentos, nos deliciam com suas tira ou ” tiradas”. Abraços…

    • João disse:

      Cara, prefiro que não hajam Quinos (por mais brilhantes que sejam) a que haja ditadura. Nada justifica um governo repressor e autoritário.

    • Lourenço disse:

      Pois é, então Freud, Mandela, Gandhi, Saramago, Einstein, Lourenço D’Alessandro,… esse gênios todos nasceram também em uma ditadura? Seres humanos geniais existem em qualquer parte do globo e em qualquer regime: democrático, ditatorial ou sei lá mais o quê. Claro que, quando há um quadro social de maior dificuldade, se necessita de maior capacidade reflexiva pra “sair da ruim”. Ah isso é Darwin, outro gênio.
      Salve!

  3. INTERminável COLORADO disse:

    Libertad tem toda razão…

  4. Claudio Rocha disse:

    arriba é “acima”

  5. tiago disse:

    Sugiro ao pequeno helio que faça este questionamento lá pelas bandas do Pinheiro Borda. Afinal, lá tem quatro conterrâneos do Quino na folha de pagamento!!!

  6. Lourenço disse:

    Arriba = acima.
    Em termos de futebol: Série A = Arriba; Série B = Abajo. Sacou?

  7. Lourenço disse:

    Todos os impérios caíram e novas civilizações tomaram conta do poder.
    Em um tempo antigo eram os azuis. Agora…

  8. juliocolbeich disse:

    Pedindo licença para o MM. Quem puder (principalmente os colorados), deem uma visitada no meu blog: http://inter-campeao-de-tudo.blogspot.com/

  9. Mojito disse:

    uma dica pra quem ta respondendo a esse helinho sem se ligar q é fake, coloca o mouse sobre o avatar e confere o endereço q aparece na barra, no caso do helinho termina em ‘7765’ e o desse fake termina em ‘aa12’. isso pra quem usa chrome, quem usa explorer tem + q se ferrar mesmo.

    é q flauta idiota o cara até atura mas criancisse é brabo.

  10. Maurício disse:

    Vou pedir licença também para propor um assunto pra discussão, sem clubismo e sem a intenção de atacar uma ou outra emissora: estou com a impressão de que desde a derrota de domingo alguns nomes fortes da imprensa esportiva gaucha estão começando um processo de fritura do Caio Jr, inclusive com comparações ao caso do Mancini e tal. Alguém mais percebeu isso? Estava pensando nisso depois de ouvir o Sala de ontem e o de hoje e de ler algumas colunas, inclusive a do Rizek, que não costumo acompanhar.
    Acho muito cedo pra analisar o trabalho dele. Poucos jogos, pouco tempo de treinamento e muita gente nova pra acomodar no grupo. Então aquela máxima de que ‘gauchão serve para ajustar o grupo’ só funciona lá adiante, depois que o brasileirão já está comprometido???

    • Rafael Fraga disse:

      Maurício, concordo plenamente com você. Vou fazer aqui um mea culpa, porque já comentei de domingo pra cá algumas coisas contra o Caio. Mas sou torcedor, sou passional. Quanto a imprensa, sim, tenho a mesma impressão que você, já vi em dois ou três blogs esse processo de fritura do treineiro Tricolor.

      • juliocolbeich disse:

        Eu li também, mas acho que talvez seja justamente o contrário, posso estar errado, mas entendi que os jornalistas estavam alertando para decisões preciptadas como no caso no Mancini.
        Na minha opinião o que está atrapalhando o Grêmio, concordando com vcs, é justamente a ansiedade em vencer. A pressão fica muito grande e atrapalha, como o tricolor é um time de massa e este ano tem eleição, querem vencer a qualquer custo. Deveriam planejar o clube para 5 ou 6 anos, independente de quem venha a ganhar as eleições.

  11. Vinicius G. disse:

    Como geógrafo posso dizer que a tira é demasiada inteligente, como são as tiras da Mafalda. A visão eurocentrista de mundo até hoje nos afeta. Hoje uma conformidade em se adotar essa “posição” do globo como “verdade. Latitudes e Longitudes são baseadas de acordo com Greenwich, na Inglaterra. Contudo, essa visão europeia vale para tudo: negócios, cultura, futebol, e etc. O que vem de “baixo” é sempre de menor qualidade, com menor valor e mais barato. Hay que hacer la revolución!

    • Maurício disse:

      Teu post me fez correlacionar essa associação do que é de ‘baixo’ a ‘menor valor’ com a associação do preto a coisas negativas (p.ex. ‘a coisa tá preta’, ‘o ladro negro da força’). Para o segundo caso já existe o consenso de que é politicamente incorreto, mas para o primeiro o caminho parece ser bem mais longo.
      Em tempo, curti muito o desenho. Lembrei de um professor doido de geografia que tive no final do ‘primário’, que [à época me parecia estar] brincando [mas] questionava por que enxergávamos sempre o norte para cima, de onde haveria saído essa lei, enquanto tirava o mapa-mundi da parede para nos mostrar de cabeça para baixo.

  12. Paulo Juliano disse:

    Legal.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s