Gol de Ronaldo dá título ao Real e fim ao sonho do Grêmio

O sonho de surpreender o melhor time do mundo e conquistar o Mundial durou pouco. Nem foi preciso esperar até o momento em que Cristiano Ronaldo fez o gol da vitória, batendo falta aos sete minutos do segundo tempo, em falha da barreira. Bastou a bola rolar, na decisão deste sábado, em Abu Dhabi, para que o torcedor, mesmo aquele mais fanático, percebesse que a tarefa seria quase impossível.

Foi uma superioridade plena e absoluta do Real Madrid.

O time teve 62% de posse de bola ao longo do tempo e 20 conclusões a gol, cinco delas direto na goleira. Em 96 minutos de jogo, contando os acréscimos, o Grêmio concluiu apenas uma vez a gol – a falta batida pelo lateral Edílson aos 20 minutos da fase inicial. Pouco para enfrentar uma potência como a do Real Madrid.

Ou seja: a derrota não se deve apenas à falha na barreira. Pelo que se viu em campo, ela era praticamente inevitável.

Zidane escalou seu melhor time possível e, desde o início, controlou o Grêmio, trocou passes com absoluta naturalidade e passou a procurar o gol. Benzema tentou aos 11, Ronaldo aos 17, Carvajal aos 19, Isco aos 21, Modric aos 24 e Ronaldo aos 39. Contra este domínio, o Grêmio foi forçado a recuar, a preencher seu meio-campo com os atacantes, a vigiar a entrada de sua área.

Ao contrário do que ocorreu no jogo de estreia, contra o Al Jazira, o Real Madrid não cedeu espaços, não facilitou nos contra-ataques e marcou. Mostrou que muitos erraram ao levar aquela partida como base para analisar os espanhóis. Lá, eles jogaram despreocupados, por vezes facilitaram demais. Neste sábado, diante de um adversário melhor, com o retrospecto de uma grande temporada, o Real Madrid impôs seu futebol sem dar chances a qualquer surpresa.

Além de sua defesa, o Real teve um meio-campo amplamente superior. Modric deu show de movimentação, Kroos foi um coadjuvante de qualidade, Isco se movimentava por todos os lados, Marcelo se juntava ao grupo para reforçar ainda mais o setor.

Na volta para o segundo tempo, o Real seguiu dominando, tentou aos cinco e chegou ao gol aos sete. Para isso, contou com um erro na formação da barreira do Grêmio: Cristiano Ronaldo chutou, a bola passou entre Lucas Barrios e Luan e entrou no canto direito de Marcelo Grohe.

Com o gol, Ronaldo chega aos sete em Mundiais – mesmo número de Pelé, pelo Santos. Foi também o oitavo título do técnico Zidane em menos de dois anos.

Depois disso, esperava-se que o Grêmio avançasse, mas o Real não permitiu. Manteve o ritmo e o cerco à defesa do Grêmio.

Aos 12, Ronaldo marcou, mas Benzema estava impedido ao dar o passe da cabeça. Casemiro forçou Grohe a uma defesa complicada aos 15, aos 17 ele desviou bola chutada por Modric, que acabou batendo na trave direita.

Renato fez então suas trocas. Primeiro, de Barrios por Jael e, aos 25, do esgotado Ramiro por Éverton, na tentativa de repetir o lance bem-sucedido da semifinal. O problema é que Zidane reagiu em seguida, ao tirar Isco e mandar Lucas Vasquez jogar na direita da linha do meio, reduzindo os espaços de movimentação e separando Cortez de Éverton.

Aos 30, Benzema tentou e Grohe defendeu, aos 33 ele cedeu o lugar a Bale, aos 35 Kroos chutou por cima, aos 36 Grohe defendeu chute de Ronaldo e aos 37, desviou a escanteio o chute de Bale. Renato fez outra troca, de Michel por Maicon, para ter mais passe em profundidade, mas não deu resultado também.

O Grêmio perdeu, mas o poder do Real Madrid, que tem uma espécie de seleção mundial, serviu de consolo. O próprio Renato destacou isso no fim, com toda razão. Estava triste pela derrota, mas conformado. O Grêmio ganhou o tri da Libertadores, jogou com dignidade a final, esforçou-se, mas esbarrou em um adversário poderoso.

Chega ao fim do ano com uma grande campanha no Brasileiro, na Copa do Brasil, o tri da Libertadores e uma final de Mundial. Foi uma temporada vitoriosa.

Anúncios
Publicado em Grêmio | Marcado com , , , , | 148 Comentários

Entre o Grêmio e o sonho do Mundial, há o Real Madrid

Durante a entrevista coletiva da sexta-feira, em Abu Dhabi, um repórter perguntou ao técnico Renato se ele viveria neste sábado o dia mais importante de sua carreira.

– É o jogo mais importante da minha vida como treinador e é o mais importante da vida dos meus jogadores, pela possibilidade de serem campeões mundiais pela primeira vez – respondeu, com convicção.

Nenhum torcedor do Grêmio vai discordar do treinador.

Depois de conquistar o tri da Libertadores, o Grêmio entra em campo na tarde deste sábado para encarar o poderoso Real Madrid, para muitos o melhor time do mundo, e buscar realizar o sonho de ganhar seu segundo título mundial.

– Eu já fui campeão mundial pelo Grêmio (1983), falei o ano todo para os jogadores o quanto é bom dar uma volta olímpica – completou. – O Real é o favorito, mas terá de provar em campo.

Para a decisão, Renato deve manter o mesmo time que começou a partida contra o Pachuca, sem as mudanças do segundo tempo. Mas, como ele não confirmou nem isso, há a possibilidade de escalar Jael desde o início, já que Lucas Barrios voltou a ter atuação discreta. Além disso, Jael seria a garantia de um confronto maior com a defesa do Real, que estará reforçada pelo titular Sérgio Ramos, líder, capitão e goleador.

É um desafio monumental para o Grêmio, que na sexta-feira (foto) visitou o local da partida deste sábado..

Além de ter um grupo milionário e farto de talentos individuais, o Real Madrid conta com o atual melhor jogador do mundo, o português Cristiano Ronaldo, um jogador que costuma superar todos os recordes a cada competição. De gols, de títulos, de troféus.

Será acima de tudo um sábado de expectativa insuperável para os torcedores do Grêmio.

O jogo começa às 15h.

Publicado em Grêmio | Marcado com , , , , , | 24 Comentários

Para pensar

A poucos dias do Natal, época de consumismo desenfreado, em que a população fica dividida entre os que podem sonhar com presentes e a imensa maioria que apenas olha ao longe, assisti a um daqueles vídeos que comovem e fazem pensar.

O momento fez parte do auge da Escolinha do Professor Raimundo, comandada por Chico Anysio (1931 – 2012). Depois de receber uma tela de presente do professor, Lúcio Mauro (90 anos completados em março deste ano) passou a recitar um texto do jornalista e poeta alagoano Aldemar Paiva (1925 – 2014) sobre Papai Noel.

É algo para se ouvir com toda atenção.

Confiram:

 

Publicado em Gente | Marcado com , , , | 6 Comentários

D’Alessandro renova e fica no Inter até o fim de 2019

Torcedores que foram na manhã desta sexta-feira ao Beira-Rio para uma sessão de fotos com D’Alessandro (promoção para quem comprou ingresso do Lance de Craque deste sábado) já teve contato com um ídolo de contrato renovado.

Pelas redes sociais, o clube anunciou a renovação do meia argentino por mais dois anos, até o fim de 2019. Quando chegar ao fim o atual contrato, D’Alessandro estará com 38 anos, certamente pensando em novo rumo da carreira e completando um longo e vitorioso período no Inter, iniciado em 2008, com apenas uma curta interrupção – no ano passado, quando esteve emprestado ao River Plate por divergências com os dirigentes da época.

Desde que chegou, ele disputou 392 jogos, marcou 84 gols e conquistou 12 títulos.

D’Alessandro sempre deixou claro, especialmente na atual temporada, quando voltou para ajudar o Inter a retornar à Série A, que tinha interesse em continuar. Gosta do clube e sua família está perfeitamente adaptada a Porto Alegre.

Publicado em Inter | 8 Comentários

Edílson: ‘Temos de tirar o time deles do conforto’

A gente pode sofrer, mas eles também. No momento em que a gente só colocar nosso time lá atrás e pensar só em marcar, uma hora vamos sofrer o gol. Temos que pensar em jogar e contra-atacar. Tirar o time deles da zona de conforto. Fazendo-os marcar tenho certeza que nosso jogo vai fluir mais e ao natural eles vão cansar. Qualquer setor tem um jogador de altíssimo nível. Temos que confiar no nosso futebol, que nos trouxe até aqui e que fez com que a gente seja a maior equipe da América no momento. A gente respeita muito eles, mas podemos fazer um grande jogo e sairmos campeões“.

(Edílson, lateral-direito do Grêmio, em entrevista ao G-1, ao alertar que o time não pode apenas jogar na defesa, na decisão do Mundial, neste sábado, contra o poderoso Real Madrid)

Publicado em Grêmio | Marcado com , , , | 10 Comentários

Encontro marcado com D’Alessandro

Torcedores do Inter que comprarem ingressos para o Lance de Craque 2017 nesta sexta-feira têm encontro com o organizador do amistoso e maior ídolo do time. Basta comparecer ao Museu do Inter, no Beira-Rio, a partir das 10h30min. Todos que marcarem presença até 11h30min receberão senha e garantia de foto com D’Alessandro.

O jogo, que reúne jogadores do país e Exterior, ex-profissionais e personalidades do futebol será realizado às 20h de sábado, no Beira-Rio. Toda a renda será distribuída entre sete entidades assistenciais, como acontece há quatro anos, sempre no fim da temporada.

Os ingressos podem ser comprados nas bilheterias do estádio, das 10h às 18h.

Publicado em Futebol | Marcado com , , , , | 1 Comentário

Do alto da pirâmide

A turma de verde-amarelo, em ritmo de manada, seguiu o pato? Ganhou filé da Fiesp. Filé é coisa fina, vocês sabem. Haveria críticas se eles tivessem distribuído, naquela luxuosa sede da Avenida Paulista, pão e mortadela, estes produtos de pobre, não é mesmo?

Reforma trabalhista?

O governo ouviu os empresários. Quando os trabalhadores protestaram e ocuparam as ruas, foram chamados de vagabundos. Hoje, têm de se contentar com as chamadas funções intermitentes.

Reforma da Previdência?

Sem problema, o governo chama os sempre prontos empresários, como fez no fim da tarde de terça-feira. Nenhum deles depende de aposentadoria, mas decidem sobre o futuro dos outros. Na campanha publicitária, para completar, o governo acusa quem protesta de defensor de privilégios.

O país, como vocês podem ver, passou a se mover de acordo com o interesse da turma dos andares superiores, aquele minguado 1%.

O que pensa o povo, que carrega a pirâmide por séculos, não interessa mais.

Publicado em Brasil | Marcado com , , , | 16 Comentários